Perdoa

Perdoa Senhor o nosso dia
A ausência de gestos corajosos
A fraqueza dos consentidos
A vida nos momentos mal amados

Perdoa o espaço que Te não demos
Perdoa porque não nos libertámos
Perdoa as correntes que pusemos
Em Ti Senhor, porque não amamos

Contudo, faz-nos sentir
Perdoar é esquecer a antiga guerra
E partindo, recomeçar de novo
Como o Sol que sempre beija a Terra.

<< Voltar ao Índice << Voltar à Página Principal (Grupos de Vida de Caxias)

This page is powered by Blogger. Isn't yours?